ter, 11/07/2023 - 02h38
Compartilhar

Governo de SP lança Programa de Desenvolvimento Paralímpico na capital

São 200 vagas destinadas a professores de educação física das redes pública e privada, alunos de graduação do último ano de educação física e educadores que trabalham com práticas esportivas

Nesta terça-feira (11), o Governo de São Paulo abriu as inscrições para o Programa de Desenvolvimento Paralímpico na capital, uma iniciativa gratuita das secretarias estaduais dos Direitos da Pessoa com Deficiência e de Esportes.

São 200 vagas destinadas a professores de educação física das redes pública e privada, alunos de graduação do último ano de educação física e educadores que trabalham com práticas esportivas para que sejam capacitados tecnicamente em modalidades paralímpicas, voltadas às pessoas com deficiência.

Durante os quatro dias do programa, os alunos terão a oportunidade de receber a capacitação técnica, com conhecimento teórico e prático do esporte paralímpico nas modalidades de atletismo, futebol de 5, goalball, tênis de mesa, natação, bocha, ciclismo e vôlei sentado.

“O Programa de Desenvolvimento Paralímpico fomenta a importância do esporte para inclusão de pessoas com deficiência na sociedade, e quando profissionais da educação física estão dispostos a se inserir nesse meio, eles criam um ambiente muito mais acessível e inclusivo para todos”, destaca a coordenadora do Paradesporto da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Mayra Barbosa.

As aulas acontecem entre os dias 11 e 14 de julho no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro (CTPB), equipamento esportivo da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, localizado na Rodovia Imigrantes, 11.5km – Vila Guarani, SP, 04329-000.

Participaram da mesa de abertura, o secretário de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Marcos da Costa; o coordenador de Esportes da Secretaria Estadual de Esportes, Paulo Merino; a secretaria em exercício da Secretaria da Pessoa com Deficiência da Prefeitura de São Paulo, Dika Vidal; e o diretor de Desenvolvimento Esportivo do Comitê Paralímpico Brasileiro, Ramon Souza.

Programa de Desenvolvimento Paralímpico

Parceria entre as secretarias estaduais dos Direitos da Pessoa com Deficiência e de Esportes, o programa, criado em 2021, fomenta e incentiva o esporte paralímpico através da capacitação técnica de professores de educação física das redes pública e privada, alunos de graduação do último ano de educação física e educadores que trabalham com práticas esportivas.

Já foram capacitados mais de 4,6 mil participantes em 55 etapas realizadas no Estado de São Paulo. Atualmente em sua terceira fase, o projeto foi ampliado e passará por 40 cidades.

A última etapa do curso acontecerá de 29 de agosto a 1 de setembro, no Baby Barioni, na Água Branca, na Zona Oeste de São Paulo.