qua, 24/05/2023 - 04h49
Compartilhar

Governo de SP entrega mais de 500 certificados de incentivo esportivo para instituições de todo o estado

Certificados de Incentivo ao Desporto (CIDs) foram entregues para captação via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte

A Secretaria de Esportes do Estado de São Paulo certificou, na tarde desta quarta-feira (24), em São Paulo, 526 projetos voltados para as áreas social, educacional, participativa, rendimento, formação esportiva, infraestrutura, além de gestão e desenvolvimento, por meio Lei Paulista de Incentivo ao Esporte (LPIE).

No total, 312 entidades, de todas as regiões do estado, terão direito a renúncia fiscal pela LPIE. A estimativa é de que os projetos desenvolvidos atinjam aproximadamente 130 mil pessoas, em mais de 300 cidades paulistas.

Cálculos feitos pelo Governo de São Paulo apontam que R$ 60 milhões deixarão de ser recolhidos em decorrência do incentivo. Desde que foi criada, em 2010, a Lei de Incentivo ao Esporte soma R$ 849 milhões em renúncia fiscal. No período, mais de 7968 projetos foram apresentados e analisados pela Comissão de Análise e Aprovação de Projetos (CAAP) e 6284 foram aprovados.

Participaram do evento a secretária de Esportes do Estado, coronel Helena Reis, o atleta de judô e medalhista olímpico, Rafael Silva (Baby), o atleta de handebol Eduardo Carioca e outras autoridades do esporte paulista.

“Quero parabenizar toda equipe técnica da Secretaria de Esportes que possibilitou a entrega desses certificados. Agora, é hora de captar! É importante que a iniciativa privada apoie e abrace os projetos aprovados na Lei Paulista de Incentivo ao Esporte. Esse programa é muito capilarizado e merece essa confiança”, disse a secretária de Esportes do Estado, Coronel Helena Reis.

Durante a solenidade, o secretário executivo de Esportes do Estado, Beto Souza, explicou aos presentes o devido funcionamento da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte. “Os projetos são apresentados e então encaminhados à Comissão de Análise e Aprovação de Projetos, formada por especialistas em esportes do estado e da sociedade civil. Os aprovados recebem a CID e põem captar os recursos junto às empresas sediadas no estado de São Paulo”, concluiu.